Mantega reconhece impacto de crise externa em emergentes

Noticias 30/08/2012

Ministro diz que países avançados continuam "empurrando seus problemas com a barriga" e que cenário externo continuará ruim, e não por pouco tempo.


No início de seu discurso na 39ª reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), o chamado Conselhão, Guido Mantega, ministro da Fazenda, já adiantou que não trazia apenas notícias boas. "O cenário da economia mundial não melhorou", disse.

Segundo ele, os países avançados continuam "empurrando seus problemas com a barriga". "O cenário externo continuará ruim, e não por pouco tempo. Os problemas não serão resolvidos no curto prazo", completou.

Mantega reconheceu que essa situação tem afetado os países emergentes, mesmo os mais dinâmicos, como China e Índia, que sentem os impactos da contração do cenário externo e têm enfrentado problemas. "O que está acontecendo em 2012 é pior do que o que estava acontecendo em 2008/2009. É uma situação mais prolongada e que tem causado mais danos", alertou.

 

Fonte: veja.abril.com.br

Eleições 2021 - Sistema Cofecon/Corecons

Notícias Relacionadas