Preço da cesta básica poderá cair 6% com desoneração, diz Abras

Noticias 28/08/2012

A Associação Brasileira de Supermercados (Abras) aguarda que a presidente Dilma Rousseff sancione uma medida provisória (MP 563) referente à desoneração de alimentos da cesta básica, segundo Tiaraju Pires, superintendente da entidade.


A Associação Brasileira de Supermercados (Abras) aguarda que a presidente Dilma Rousseff sancione uma medida provisória (MP 563) referente à desoneração de alimentos da cesta básica, segundo Tiaraju Pires, superintendente da entidade.

De acordo com ele, dos 22 produtos de alimentos que fazem parte da cesta básica, somente 11 tem isenção de PIS e Cofins. O pleito da entidade é para que os outros 11 produtos também passem a ser insetos desses tributos.

“Se tirasse o PIS/Cofins desses 11 itens, teríamos uma redução de 6% no preço de venda da cesta básica. Isso ajudaria bastante no combate à inflação”. Pires afirmou que essa isenção é um pleito antigo da entidade.  “Existe a MP que já foi tramitada e está na mesa da presidenta”, afirmou.

O executivo disse que, no dia 15, a Abras apresentou ao ministro da Fazenda, Guido Mantega, os impactos positivos da medida para os trabalhadores que recebem até dois salários mínimos.

 

Fonte: http://www.valor.com.br


 


Notícias Relacionadas

LER MAIS

Declaração Negativa de Comunicação COAF.

16.01.2019

Época de Entregar a Declaração ao COAF.

LER MAIS

Declaração Negativa de Comunicação COAF.

16.01.2019

Época de Enviar a Declaração Negativa de Comunicação COAF.