Compare as novas taxas de juros dos bancos após os cortes anunciados

Noticias 18/04/2012

Com os cortes anunciados, a diferença entre os juros cobrados nas instituições para linhas de crédito semelhantes diminuiu bastante.


Com os cortes anunciados nesta semana, a diferença entre os juros cobrados nas instituições para linhas de crédito semelhantes diminuiu bastante.

Até a semana passada, por exemplo, enquanto Banco do Brasil e Caixa estavam cobrando juros de 0,99% e 0,98% no financiamento de veículos, no Bradesco a taxa partia de 1,35% ao mês.

A partir da próxima segunda, o Bradesco promete taxas até menores do que aquelas cobradas pelos bancos públicos: a partir de 0,97% ao mês.

Da mesma forma, o HSBC cobrava, no financiamento de veículos, taxas que iam de 2,41% a 3,36% ao mês. Agora, a instituição diz que os juros ficarão entre 0,98% e 2,55% mensais.

Alguns cortes não valem para todos os clientes

Em alguns casos, o corte nos juros não serve para todos os clientes. O Santander só reduziu para empresas. O Bradesco não cortou taxas de cheque especial para ninguém. O Itaú só diminuiu os juros do cheque especial para clientes com conta-salário, por exemplo.

O Bradesco anunciou corte nos juros do rotativo do cartão de crédito, mas apenas daqueles emitidos em parceria com grandes redes de varejo. Nesses casos, a taxa mínima foi fixada em 2,49% ao mês, por um prazo máximo de 24 meses, ou dois anos.

Segundo as instituições, os percentuais cobrados também variam de acordo com o perfil do cliente e o relacionamento dele com o banco.


Fonte: http://economia.uol.com.br/ultimas-noticias


Notícias Relacionadas

LER MAIS

Declaração Negativa de Comunicação COAF.

16.01.2019

Época de Entregar a Declaração ao COAF.

LER MAIS

Declaração Negativa de Comunicação COAF.

16.01.2019

Época de Enviar a Declaração Negativa de Comunicação COAF.